Terapia por Ondas de Choque nas lesões musculares.

Com o aumento da prática de esportes, as lesões musculares seguem aumentando consideravelmente.

Existem diversas classificações quanto à gravidade da lesão, devendo ser avaliadas pelo ortopedista e inciar o tratamento o quanto antes para melhor recuperação. Geralmente apresenta quadro de dor local aguda, seguido de sensação de estalo, rasgo, podendo ter hematomas e perda de função.

download
Classificação da lesão muscular

Além da fisioterapia e reabilitação funcional, a terapia de ondas de choque tem um papel importante no controle da dor e auxílio no processo de cicatrização das lesões, ajudando, inclusive, no retorno precoce à prática esportiva.

A Terapia por Ondas de Choque atua emitindo ondas acústicas nos locais da lesão, estimulando o processo de reparação tecidual, sendo indicadas de 3 a 5 sessões para completar o tratamento.

ondas-de-choque-fisioterapia
Exemplo de aplicação da terapia por Ondas de Choque Cortesia: BTL Industries

Cabe lembrar que não é um tratamento invasivo, ou seja, não usa agulhas, não penetra a pele, não é necessária internação e dura em torno de 15 minutos.

Faça uma avaliação médica para melhor indicação do tratamento, individualizado para cada paciente.

 

Por: Dr Luiz Henrique Y. Tintori, membro efetivo da Sociedade Brasileira de terapia de Ondas de Choque.

fonte: Malliaropoulos et. al, sports medicine 2004

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *